Seguidores

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Passe a borracha no país de Alice


Eis o momento que você para dez segundos, respira, cerra os dentes uns nos outros e abre mão daquele momento. Poderia ser um instante decisivo de aplicar reformas, mas você encontra o ponto de restauração que ninguém configurou no meio daquela confusão e sem rodeios reinicia. Sim caro leitor, não se afogue na afronta de comparar o teu ser místico, estéril, planejado em mil propósitos pelo poder divino, a um microcomputador, frio e esquecido num escritório racionalizando informações, recuperando os erros que pode incomodando o mínimo possível. O criador bem que podia ser mais inteligente do que aparenta e fazer de si mesmo quadro branco a ser codificado pela própria invenção, não para mecanizar as relações, o amor incondicional das mães, os primeiros suspiros bobos de paixão, para adequar, porém, todas aquelas situações que de pequenas bolinhas de gude crescem numa fração desprezível de segundos num caráter cancerígeno, colocando tudo a perder por tão pouco.Viva o que é necessário viver e encare o revés se for o caso, mas fique atento, as circunstâncias não precisam de sua permissão para confrontar sua emoção, por todos seus neurotransmissores em curto para que você nem perceba em que instante perdeu o controle, se faltou a aula desta ciência, por favor,respire fundo, guarde a impulsividade na última gaveta do seu mundo e seja no mínimo conveniente.

M.Araújo

13 comentários:

  1. so nao concordo com a parte do criador ser codifcado pela criação. De resto, otimo texto

    ResponderExcluir
  2. "guarde a impulsividade na última gaveta do seu mundo e seja no mínimo conveniente."

    Achei essa frase digna, o texto inteiro está bom e concordo com grande parte do que foi dito e a respeito da ultima frase, concordo até a ultima letra, a impulsividade é tolisse.

    smalltrue.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. so nao concordo com a parte do criador ser codifcado pela criação. De resto, otimo texto ²

    ResponderExcluir
  4. Esse "Criador" é realmente incompetente.

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do texto, nos faz pensar bastante sobre nós, sobre como desperdiçamos os momentos e a vida em si. Parabéns pelo blog =)

    ResponderExcluir
  6. Nossa! bem profundo o texto! faz pensar na nossa vida e como vivemos e oq podemos fazer!!! enfim...
    parabéns!!!

    http://iagopatucci.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Belas palavras! Você escreve muito bem... nos faz refletir, meditar sobre a vida!


    Estou te seguindo, se puder siga o meu tbm ;D

    http://realnovirtual.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Quanto aos "baianão", já fiz uma correção lá.

    Obrigada pelo puxão de orelha!

    ResponderExcluir
  9. Belas palavras,
    eu adorei a imagem!!

    ^^

    ResponderExcluir
  10. gostei do texto...das palavras, da critica ao ser humano perante a mecanização do mesmo...precisamos de mais sentimento...de mais viver
    enfim...brisei? sim...mas graças a teu texto =]

    ResponderExcluir

Se não leu, não comenta bobagem certo?
Obrigado o/